Melhores destinos internacionais baratos: 10 opções

Melhores destinos internacionais baratos: 10 opções

Encontrar destinos internacionais baratos não é impossível! Veja 10 opções para fazer uma viagem ao exterior a preços acessíveis.

Banner 728x90 Banner 300x100

Fazer uma viagem internacional é o sonho de muitas pessoas, mas nem sempre é algo muito fácil de se conquistar, principalmente quando falamos de destinos muito visados mundialmente, que podem exigir um custo maior. Por isso, nesta matéria separamos os 10 melhores destinos internacionais baratos!

Para os passageiros aqui do Brasil, alguns dos destinos mais baratos estão na América do Sul, considerando os valores de passagens aéreas. Neste caso, ainda é preciso levar em conta os valores de hospedagem, alimentação, lazer, entre outras coisas.

A seguir, veja 10 opções de destinos internacionais baratos em 4 continentes e veja qual deles mais te interessa!

1. Argentina

Bem pertinho do Brasil, a Argentina é um ótimo destino internacional, e ainda é barato. Com a desvalorização do peso argentino, uma viagem ao país pode ser ainda melhor e mais vantajosa.

É possível visitar a capital Buenos Aires, Bariloche, Ushuaia, Mendoza, entre outras cidades, e aproveitar o que tem de melhor em cada uma delas.

Buenos Aires atrai muitos turistas, principalmente os brasileiros, com muitas opções de restaurantes, museus, parques e espetáculos de tango. As promoções de passagens aéreas também são comuns, o que acaba levando ainda mais viajantes.

Bariloche também é um dos principais destinos no inverno, permitindo que os turistas tenham contato com a neve e façam diversas atividades relacionadas, como snowboard e esqui.

2. Bolívia

Outra opção entre os destinos internacionais baratos sul-americanos é a Bolívia. A principal cidade que atrai os turistas é La Paz, uma metrópole cheia de pontos turísticos e, ainda, com diversas tradições indígenas.

Alguns dos principais pontos que podem ser visitados na cidade são o Mercado das Bruxas, a Praça Murillo, o Museo de la Coca, a Igreja de São Francisco e o passeio de teleférico até El Alto, às quintas e domingos.

Outro destino boliviano é Sucre, uma cidade histórica que é a capital constitucional do país, patrimônio da humanidade pela UNESCO e que abriga diferentes pontos turísticos, como a Casa de la Libertad, o Museo de Arte Indígena e a catedral do século XVI.

Os meses mais recomendados para visitar o país são entre maio e outubro, que é quando os dias ficam mais ensolarados e sem chuva. Porém, é uma época bem fria, chegando a graus negativos. Por isso, não esqueça os casacos e acessórios de inverno!

3. Peru

Ainda na América do Sul, é no Peru que está um dos pontos turísticos mais conhecidos e visados desta parte do continente: o Machu Picchu. A Cidade Perdida dos Incas tem grande riqueza cultural e histórica, com uma linda paisagem, e também é Patrimônio da Humanidade pela UNESCO.

Algumas cidades que podem estar no roteiro de viagem são Lima – a capital peruana -, Arequipa, Cusco, Ollantaytambo, entre outras. Em Lima, conheça os museus Larco e o De la Nación, a Plaza de Armas e a Casa da Gastronomia Peruana. Todos eles envolvem a história do país e suas antigas civilizações.

Já em Cusco, é possível visitar o Templo de São Brás, a Plaza de Armas de Cusco e a Catedral Basílica da Virgem da Assunção. A cidade é repleta de elementos das culturas inca e indígena, permitindo uma viagem histórica incrível.

A cidade de Arequipa é cercada por três vulcões, o que pode atrair turistas que se interessam por esse tipo de estrutura geológica. A pequena cidade abriga o Museu Histórico Municipal de Arequipa, a Casa do Moral, a Casa Goyeneche, entre outras opções de pontos turísticos.

4. México

Indo para a América do Norte, o México também está entre os melhores destinos internacionais baratos. Por mais que existam locais em que as passagens e hospedagem são mais caras, como Cancun, ainda é possível fazer uma viagem ao país com valores mais acessíveis.

Para quem gosta de visitar o litoral, o país é banhado tanto pelo oceano Pacífico quanto pelo Atlântico, com aproximadamente 450 praias. Algumas que podemos destacar são a Ilha Holbox, a praia de Majahual, Rincon De Guayabitos e a praia de Sayulita.

Já para quem prefere passeios mais culturais, a Cidade do México, a capital mexicana, tem um centro histórico e conta com vários museus, ruínas do Templo Mayor, a Catedral Metropolitana e o Palácio Nacional, além de vários restaurantes para quem quiser conhecer mais a culinária local.

5. Portugal

Indo para a Europa, Portugal é repleta de pontos turísticos e históricos. As cidades de Lisboa e Porto são duas das mais conhecidas e visitadas pelos viajantes, assim como as ilhas dos Açores e da Madeira.

Em Lisboa, alguns destinos que podem ser visitados são a Torre de Belém, o Museu de Arte, Arquitetura e Tecnologia (MAAT), o Castelo de São Jorge, a Sé de Lisboa e a Igreja de São Vicente de Fora. Há também o Palácio Nacional de Mafra, em Mafra, que fica a 25 quilômetros da capital.

Já em Porto, é possível conhecer e fazer um passeio de barco no Rio Douro, visitar as várias vinícolas e quintas, como a Quinta das Carvalhas ou a Quinta do Vallado, o Palácio da Bolsa, a Ponte Dom Luís I, o Mosteiro da Serra do Pilar, entre outros destinos.

Há, ainda, alguns passeios gratuitos, o que vai deixar sua viagem ainda mais barata. É possível visitar as praças e portos. O Miradouro Nossa Senhora do Monte é um dos lugares mais altos de Lisboa, que te permite assistir a um lindo pôr do sol e ver a linda paisagem de toda a cidade.

6. Espanha

Assim como Portugal, a Espanha possui diversos cenários históricos, com atrações que fazem referência à arquitetura antiga, como o Templo Expiatório da Sagrada Família, o Parque Guell e a Puerta de Alcalá.

Para os apaixonados por culinária, o Mercado de San Miguel, em Madri, reúne diferentes sabores e texturas, apresentando comidas típicas. Há também o Mercado Central, em Valência, com aproximadamente 400 comerciantes e uma enorme variedade gastronômica.

Já quem gosta de futebol pode ter uma experiência incrível ao visitar os vários estádios, como o Estádio Santiago Bernabéu, do Real Madrid Futebol Clube, o Camp Nou, do FC Barcelona, o Wanda Metropolitano, do Atlético de Madrid, entre outros.

7. Romênia

Outro país europeu entre os melhores destinos internacionais baratos é a Romênia. O local é cheio de histórias, lendas e tradições folclóricas, mas também tem uma cultura rica e belas paisagens.

Em uma viagem, os turistas podem conhecer o Palácio do Parlamento (com uma tour guiada), o Parque Cismigiu, a Igreja de Stavropoleos, o Castelo de Bran (famoso associado à obra Drácula), a Cidadela de Rasnov e o Lago Balea.

Todas essas atrações estão em Bucareste, a capital romena. Porém, você também pode visitar outras cidades e seus pontos turísticos, como Timisoara e o Palácio Barroco, Brasov e o Salão do Conselho, entre outras.

8. África do Sul

A moeda utilizada na África do Sul vale menos do que o real, o que acaba tornando a viagem mais barata, mesmo sendo internacional.

As cidades sul-africanas mais conhecidas pelos turistas são Joanesburgo, Simon’s Town, Durban e a Cidade do Cabo. A primeira permite a realização de safáris e visitas a sítios arqueológicos.

Já em Simon’s Town, há passeios para ver os pinguins africanos, museus, praias e pontos de mergulho. Durban, por sua vez, é uma cidade litorânea, com um clima mais agitado, atraindo turistas que gostam de programas mais badalados.

Na Cidade do Cabo, é possível conhecer a Table Mountain (Montanha da Mesa), o porto V&A Waterfront, a roda gigante Cape Wheel, o Anfiteatro Waterfront, a Praça Nobel, entre outras atrações.

9. Tailândia

Já no continente asiático, a Tailândia oferece aos turistas uma enorme experiência cultural, com diversas atrações construídas e naturais.

Os pontos que mais atraem os turistas são os mais de 400 templos budistas, palácios, feiras populares e as praias. A gastronomia também é uma atração à parte, e para conhecê-la, visite o Mercado Chatuchak, um mercado a céu aberto com aproximadamente 8 mil barracas de roupas, plantas, alimentos, artesanato, entre outras coisas.

O Grande Palácio de Bangkok foi a residência oficial da família real até o começo do século XX. Por isso, vale a pena colocar o edifício no roteiro da viagem. Além disso, quem gosta de praia ainda pode conhecer as Ilhas Phi Phi e a Monkey Beach, que é famosa por ter macaquinhos.

10. Índia

Finalizando a nossa lista de melhores destinos internacionais baratos, a Índia costuma ser lembrada pelo Taj Mahal, uma das 7 maravilhas do mundo, e pelo Rio Ganges, considerado sagrado pelos nativos. Porém, há ainda outros pontos turísticos que podem ser visitados.

O Forte Vermelho é um marco da arquitetura indiana clássica, e também um Patrimônio Mundial da UNESCO. À sua frente, é possível conhecer também a Grande Mesquita da Antiga Deli, a Jama Masjid.

É importante lembrar que, assim como acontece na Tailândia, o trânsito caótico é quase uma tradição. Porém, a diferença é que na Índia, além de veículos e pedestres, os animais também trafegam nas ruas. E não são animais domésticos: camelos, elefantes, vacas e outros são sagrados para a população, o que permite que eles caminhem livremente nos centros urbanos.

Dicas para fazer uma viagem internacional barata

A principal maneira de viajar para destinos internacionais baratos é optar por épocas de baixa temporada. Neste caso, é importante que você saiba qual é a baixa temporada no destino que pretende visitar, e não apenas no Brasil.

Na América do Sul, a época em que as pessoas procuram menos por viagens varia de país para país. Em algumas localidades, é melhor viajar no inverno, enquanto em outras, o verão é a melhor estação.

Já na Europa, viagens entre novembro e dezembro, e fevereiro e abril podem ser mais baratas. Como é inverno na região e a estação costuma ser bem rigorosa, a procura é menor.

A Ásia, por sua vez, também tem a baixa temporada variável. Na Índia e na Tailândia, por exemplo, a baixa temporada é de junho a setembro, quando as chuvas são mais intensas, o que acaba refletindo no trânsito – que já é caótico – e nos passeios.

Mais uma forma de conseguir passagens aéreas e hospedagens a preços atrativos é ficar de olho em promoções. É justamente na baixa temporada em que as promoções aparecem mais. Por isso, vale a pena acompanhar os sites das companhias aéreas, hotéis e agências de turismo para encontrar os melhores valores.

Além disso, não deixe de planejar sua viagem. Pesquise com cuidado os destinos que mais te atraem, buscando saber qual a melhor época para a visita e a média de preços de passagens aéreas, hospedagens e passeios/atrações.

Por fim, é interessante que você segure um pouco os seus gastos e economize, tanto antes da viagem, para acumular mais dinheiro, quanto durante a viagem.

Principalmente se você for viajar para a América do Norte ou Europa, onde a moeda é mais valorizada que o real, a economia é necessária para que você consiga juntar um valor suficiente para gastar na viagem.

Já os países da América do Sul são mais convidativos neste sentido. Normalmente, as moedas são menos valorizadas que o real, o que te permite ter uma quantia maior para o destino.

Se atentando a essas dicas, fica muito mais fácil planejar uma viagem para um dos destinos internacionais baratos e ter uma boa experiência no exterior.

Quais documentos são necessários para uma viagem internacional?

Os principais documentos necessários para fazer uma viagem internacional são o passaporte e o visto. O passaporte é exigido em qualquer viagem para fora do Brasil, exceto para os países que fazem parte do Mercosul.

Para esses países, em especial, o passageiro deve apresentar o RG, sem precisar do passaporte. Vale saber que a CNH ou outro documento de identificação não é válido, mas apenas o RG.

O visto, por sua vez, é exigido conforme o país de destino, e também de acordo com o objetivo da viagem. Alguns países não requerem o documento de quem viaja a turismo, mas exige em viagens mais longas ou a estudo/trabalho. Por isso, não deixe de verificar essa exigência com antecedência, para ter tempo hábil para emitir o documento.

Dependendo do seu destino, você também pode precisar do Certificado Internacional de Vacinação. Exemplos de destinos que pedem este documento são África do Sul, Austrália e Bolívia. Normalmente, a vacina mais exigida é a de Febre Amarela, mas pode haver outras. Saiba mais sobre este documento nesta matéria.

Caso o turista queira dirigir durante a viagem, pode ser que ele precise da Carteira de Motorista Internacional ou da Permissão Internacional para Dirigir (PID). Este documento pode ser solicitado junto ao Detran do seu estado.

Outros documentos que podem ser solicitados, a depender do seu destino, são o comprovante de hospedagem, o seu dinheiro reservado para a viagem e a passagem de volta para o seu país de origem. Normalmente, esses documentos são pedidos na imigração para provar que você não tem más intenções para com o país onde está tentando entrar.

Os comprovantes e as passagens de volta podem ser impressos facilmente, porém, caso você não esteja com toda a quantia de dinheiro em espécie, pode mostrar um extrato bancário atualizado e uma fatura do cartão de crédito com o limite de compra.

Por último, é fundamental que você contrate um seguro viagem. Em alguns destinos, esta proteção chega a ser obrigatória, enquanto em outros locais, ela é altamente recomendável. Sua principal função é garantir atendimento em urgências e emergências médicas ao segurado enquanto ele estiver no exterior.

Existem algumas modalidades de seguro que, além de oferecerem cobertura de despesas médicas, têm também coberturas contra o extravio de bagagematraso e cancelamento de voo e outros problemas com voos. Neste caso, a proteção é mais completa e pode garantir uma experiência mais segura ao viajante.

Se você tiver algum problema com voo durante a sua viagem e o seu seguro não cobrir este tipo de situação, conte com a ajuda da Voe Tranquilo! Somos uma empresa especializada em auxiliar o passageiro que teve seu voo atrasado ou cancelado, assim como aquele que perdeu sua conexão, teve sua bagagem extraviada ou foi vítima de overbooking.

Dependendo do seu caso, você pode ter direito a uma indenização. Preencha o nosso formulário e tenha uma avaliação gratuita do seu caso!

Quer saber mais sobre como podemos te ajudar? Entre em contato conosco pelo WhatsApp, (11) 96060-4053 (clique aqui para abrir a conversa), ou envie um e-mail para [email protected]

Veja também!

15 melhores destinos para uma viagem em família

15 melhores destinos para viagens de casal

Importante!

Esse texto tem caráter informativo e busca orientar consumidores sobre seus direitos. Somente um advogado é capaz de oferecer atendimento jurídico.

Caso seja necessária alguma retificação desse conteúdo, por favor, entre em contato pelo e-mail [email protected]

Compartilhar

Compartilhar pelo WhatsApp Compartilhar pelo Facebook mail_outline
Coronavírus (COVID-19): Clique aqui para ver orientações close